Sebastião Salgado : Imperdível

image

O fotógrafo brasileiro Sebastião Salgado vai mostrar cerca de 250 imagens na exposição “Génesis”, dedicada à natureza, entre 08 de abril e 02 de agosto, no Torreão Nascente da Cordoaria Nacional, em Lisboa.

A exposição encontra-se em itinerância, e já passou pelo Brasil, depois de ter sido inaugurada no Museu de História Natural de Londres, em 2013.
Chegará a Portugal em abril numa produção da Terra Esplêndida, em conjunto com a Empresa de Gestão de Equipamentos e Animação Cultural (EGEAC) da Câmara Municipal de Lisboa.

image

As imagens captadas por Sebastião Salgado a preto e branco sobre pessoas e natureza, abordando tanto os flagelos da Humanidade como os lugares intocados pelo Homem, têm corrido mundo em livros e exposições.

Esta mostra, com curadoria de Lélia Wanick Salgado, surge na sequência de dois anteriores grandes projetos de Sebastião Salgado: “Trabalhadores” (1993) e “Migrações” (2000), que abordaram o trabalho manual e o movimento de populações no planeta.
Por seu turno, “Génesis”, realizado ao longo de quase uma década, é uma homenagem do fotógrafo à grandiosidade da natureza e ao mesmo tempo um alerta para a fragilidade da Terra, mostrando lugares quase intocados que a Humanidade pode perder se não tomar medidas para a preservar.

As imagens, captadas em varias áreas geográficas, serão apresentadas nas secções “Sul do Planeta”, “Santuários”, “África”, “Espaços a Norte” e “Amazónia e Pantanal”.
Sebastião Salgado, 70 anos, mostrará em Lisboa imagens a preto e branco de fauna e flora em lugares pouco explorados pelo Homem, mas também as comunidades humanas das selvas do Amazonas e da Nova Guiné.

image

image

O conjunto é o resultado de mais de 30 viagens pelo mundo entre 2004 e 2011.
Em julho do ano passado, o fotógrafo brasileiro lançou em Portugal o livro “Da Minha Terra à Terra”, pela editora Individual, que conta pela primeira vez a história pessoal e faz revelações das raízes políticas, éticas e existenciais do seu trabalho.

Nascido a 08 de fevereiro de 1944, em Aimorés, Minas Gerais, Sebastião Salgado é formado em Economia e começou a sua carreira de fotógrafo em Paris, em 1973.

O fotógrafo foi alvo de uma grande exposição em Portugal, em 1993, na inauguração do Centro Cultural de Belém, em Lisboa, onde mostrou cerca de 250 imagens.

Membro das agências de fotografia Sygma, Gamma e, posteriormente, a Magnum, Sebastião Salgado fundou a Amazonas Images, com a mulher, Lélia Wanick, em 1994, e juntos criaram o Instituto Terra para a reflorestação da Mata Atlântica brasileira.

In Diário de Notícias

One response to “Sebastião Salgado : Imperdível

  1. Grande fotógrafo! Espero conseguir dar um “salto” a Lisboa para ir ver isto!😀

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s